Ciência

Igrejas viram livrarias

Igrejas-em-Livrarias

Igrejas-em-Livrarias

A Holanda realmente é um país diferente e revolucionário. Se não bastasse lidar com a prostituição como um mercado, usar uma política de drogas flexível e deter grandes índices de alfabetismo e qualidade de vida, os holandeses também resolveram transformar suas igrejas em livrarias, cafés, pubs e casas de shows.

Essa decisão foi tomada porque essas instituições ficaram sem dinheiro para cobrir custos em manutenção, pois não há público o suficiente para gerar recursos e mantê-las ativas. Na Holanda, quem tem religião não costuma frequentar igrejas ou templos.

Uma pesquisa realizada em 2010 revelou que 44% da população holandesa se considera ateu. Enquanto 28% são católicos; 19% são protestantes; 5% são muçulmanos; e 4% são fieis de outras religiões.

É fato que as livrarias ficaram realmente bonitas e ganharam um novo significado. A oração passou a ser leitura. Destaque para a livraria Selexyz, que foi construída sob o teto de uma antiga catedral dominicana do século XIII, localizada no centro de Maastricht.

Outro exemplo é uma igreja do século XIX, de Amsterdam, que virou uma casa de shows chamada Paradiso. Lugar que contou com a participação de artistas como o Seu Jorge e prega ser “um refúgio ao talento criativo”. Confira as imagens a seguir.

Igrejas viram livrarias na Holanda

Igrejas-em-Livrarias Igrejas-em-Livrarias Igrejas-em-Livrarias Igrejas-em-Livrarias Igrejas-em-Livrarias Igrejas-em-Livrarias

Será que o Brasil consegue chegar nesse nível de cultura? O que vocês acham?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Categorias
CiênciaMundo GeekNews

Jornalista, co-fundador do Geekness. Foi editor do GamesBrasil, TechGuru e BABOO e repórter das revistas MOVIE, EGW e Nintendo World. Curta o Geekness no Facebook!