Web

Descobri que sou um muppie

muppie

Hoje foi o dia que descobri ser um muppie. Uma espécie de fusão entre milenar e yuppie.

Esses jovens de 25 a 35 anos que preferem mais se sentir bem com o trabalho do que ganhar dinheiro.

Os exemplos de o que é ser um muppie, citados pela Agência EFE, batem completamente com minha personalidade:

– Trabalhar com o que gosta

– Viciado em rede social

– Solidário

– Curte games e vive no smartphone

– Teve diferentes tipos de trabalhos, de blogs até produção de eventos

– Gosta ou tem hobbies nos ramos de fotografia, cinema, literatura, gastronomia

– Se preocupa com a natureza

– Se preocupa também com o próprio corpo e com a saúde

– Faz compras na Internet

– Curte viajar e conhecer lugares diferentes

– Tem sede de informação e consome muitas novidades e notícias ao mesmo tempo

– Não olha para o futuro, preferem viver o dia a dia, sem grandes planos, e desfrutar das boas coisas que a vida proporciona

Entre outras coisinhas mais…

Imagino que deva bater com mais gente por aí.

Significa, talvez, que todos nós sejamos fruto cultural desta era específica.

Aquela pessoa que presenciou a criação da Internet, mas não nasceu com ela. Que assistia filmes em fitas cassetes, ouvia CDs, usava o Napster e/ou KaZaa. Assoprou fitas de videogame. Esperava dar 0:01h para entrar em salas de bate-papo, jogar online ou abrir o ICQ.

É mais uma das classificações um tanto genéricas, mas que me impressionou pela precisão na definição de um perfil.

Será que o Geekness, então, deveria se chamar Muppieness? 😀

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Categorias
Web

Jornalista, co-fundador do Geekness. Foi editor do GamesBrasil, TechGuru e BABOO e repórter das revistas MOVIE, EGW e Nintendo World. Curta o Geekness no Facebook!