Destiny – Jogamos o beta e viramos a casaca

Destiny - Jogamos o beta e viramos a casaca

Sabe aquele jogo que você ouviu falar, mas não chamou atenção? Destiny era um desses jogos. Para começar, preciso dizer que eu sou um cara que não sou chegado ao gênero FPS (tiro em primeira pessoa), e menos ainda em sci-fi. Quando vi os trailers de Destiny, acabei colocando o jogo na categoria, “não jogarei, passar bem”.

Cara, como eu estava errado!

A história de Destiny nos insere em um momento em que os humanos encontraram uma “entidade” nomeada “o viajante”. Essa entidade nos ajudou a prosperar e viajar por todo o universo. Era o que eles chamaram de “a era de ouro”. Porém, um inimigo do viajante, chamado simplesmente de “Trevas”, domina o universo, e assim chegamos ao fim desta era e o inicio do nosso jogo.

Você é um guardião que deverá ajudar a defender as últimas cidades humanas das trevas, e ai, meu amigo, é que a diversão começa.

Destiny-02

Destiny: Uma nova forma de MMO

Sendo bem curto e grosso, Destiny é um MMO (Multiplayer Massivo Online). São muitas pessoas online ao mesmo tempo matando criaturas para subir de nível e pegar itens novos que os inimigos derrubam para você. Mas a desenvolvedora Bungie, conhecida pela popular série Halo, mais uma vez conseguiu revolucionar algo que já estava batido.

Ela pega o gênero e simplifica ao máximo, deixando só o que é importante. Tive a sensação que não perdia tempo como geralmente sinto jogando um MMO, pois tudo era simplificado ao máximo para que o foco seja no mais importante: as batalhas.

Como um MMO, você escolhe sua raça e classe. As raças são: Humano; Awoken (uma espécie de humanos com elfos); ou Exos (mistura de humano com robôs). As classes: Hunter (que me lembrou muito uma classe de rogue, ou snipers); Titan (focados em receber menos dano e proteção, posso dizer que são um pouco os tankers de um MMO comum, ou guerreiros); e Warlock (referentes aos magos).

Todas as raças possuem habilidades específicas, mas todos podem usar rifles, snipers e armas pesadas, sem restrições.

Trio

Diversão rápida e entre amigos

Esqueça aquelas viagens entre cenários que demoram horas em um MMO. Elas são feitas com destinos selecionados por meio de um menu super prático e rápido. Basta decidir se vai chamar alguns amigos (até dois, além de você) para te acompanhar na missão, ou se você vai sozinho e pronto.

Em cada missão, você será jogado em um mapa grande e aberto que pode ser explorado, trazendo vários itens para ser coletados e segredos a serem desvendados. A coisa realmente fica feia quando você entrar em uma área dominada pelas “trevas”, um aviso na tela irá aparecer e ai meu amigo, saiba que o bicho vai pegar. Varias hordas de inimigos aparecem, e no final, um boss (chefão).

Cada boss é totalmente diferente um do outro, com estratégias bem diversas e que vai exigir muito trabalho em equipe para abatê-lo. Acredite, é muito fácil morrer enquanto você enfrenta um. Tentar matá-los sozinho é uma missão hercúlea e para poucos. E é quando você está jogando com seus amigos que esse jogo realmente brilha.

Destiny - Gameplay

Ao subir de nível novas habilidades vão sendo liberadas, e mais estratégias vão sendo criadas. Eu não sei, sinceramente, se a experiência de cada missão estava alterada por causa do beta ou se são as missões originais, mas para cada missão feita, praticamente era 1 nível que ganhávamos e com isso uma nova habilidade. O nível de progressão era muito bom e recompensador, e você logo queria entrar em outra missão para testar o “seu novo poder”, dando aquela sensação de “só mais essa partida e eu paro”. O que, no final das contas, nos fazem nunca parar.

Infelizmente, o beta possui apenas seis missões disponíveis. Sendo que uma das missões liberadas é o modo Crucible, um modo competitivo de domínio de pontos no mapa. Eu particularmente não gostei muito dessa parte, pois os mapas são muito pequenos e a diversão não é a mesma de quando enfrentando hordas épicas de monstros nas missões normais. Porém, não tirou o brilho do jogo.

Destiny - Grupo

Abram alas para uma nova era

Destiny tem um grande potencial e, com certeza, será um marco no modo como games massivos online são produzidos. O fato de passar mais de meia hora batalhando com enormes criaturas, ou passar uma hora e meia em companhia de seus amigos em uma missão, fazem com que a aventura ganhe um tom épico em determinados momentos.

Fazia tempo que um jogo não proporcionava tanta diversão assim, de forma simples, rápida. Entrou na lista dos jogos mais esperados do ano.

Destiny-Capa

Destiny

Produtora: Bungie Software
Editora: Activision Blizzard
Lançamento: 09/08/2014
Plataformas: PS4/PS3/XONE/X360
Saiba mais detalhes no site oficial.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Pedro Flannels W

    O q meu deu raiva é a quantidade de vezes q cai o servidor..
    Compreensivel por estar em faze beta…
    Fora isso.. Jogo expetacular.. Muito bom o nvl de dificuldade..

    Aos q quiserem me add meu nick é Flannels

  • RLiz

    O jogo é bom mesmo, cara? To afim de comprar ele :v. O que me interessa é o multiplayer.

  • Depende do que você procura. É uma espécie de MMO de tiro. Bastante repetitivo e tudo mais. Funciona na base de ganhar nível matando criaturas, vencendo chefes, completando missões. Eu joguei umas 10h e depois enjoei e nunca mais joguei.