Dicas Literárias

5 bons trabalhos de Lourenço Mutarelli

lourenco-mutarelli

Lourenço Mutarelli é sem dúvida um gênio da contemporaneidade que consegue trabalhar o horror, o bizarro e o humor com muita simetria. O escritor ficou nacionalmente conhecido por conta do premiado filme brasileiro O Cheiro do Ralo, estrelado por Selton Mello, mas a sua bagagem literária é bem mais extensa do que isso.

Mutarelli possui seis livros publicados, uma peça de teatro e 19 histórias em quadrinhos. Com uma narrativa acelerada, obscena e totalmente de vanguarda, a maioria de suas histórias discursam incansavelmente sobre a perversidade da mente humana.

Abaixo selecionamos alguns de seus melhores trabalhos, confira.

O Cheiro do Ralo

o-cheiro-do-ralo

Se você gosta de ler livros loucos e picantes O Cheiro do Ralo é uma ótima opção. A história gira em torno de um homem frio, dono de uma loja de compra e venda de antiguidades e bugigangas, que age com muita mesquinhez ao adquirir objetos de pessoas passando por dificuldades.

Perturbado pelo fedorento cheiro que exala do ralo de seu escritório, o protagonista se apaixona pela bunda de uma garçonete e tenta conseguir fazer uma troca para obtê-la. A narrativa é rápida e as doses de insanidade do personagem são mostradas por meio dos relacionamentos perversos que os personagens estabelecem entre si.

Baseado no romance homônimo sua versão nos cinemas estreou em 2007.

O Natimorto

natimorto

O Natimorto é outro livro de Lourenço Mutarelli que recebeu uma adaptação para os cinemas. Publicado originalmente em 2004, o livro é escrito em primeira pessoa e os diálogos lembram os de uma peça de teatro. A história conta os transtornos de um homem em que crise que lê – em uma espécie de tarô diário – a sorte através das fotos antifumo dos maços de cigarros.

Vivendo em um casamento em problemático, ele encontra uma oportunidade quando conhece uma cantora que tem a voz tão pura que ninguém é capaz e ouvi-la. O protagonista está disposto a viver dentro de um quarto de hotel com uma mulher que mal conhece para nunca mais ter que ter contato com nada o que aconteça no mundo exterior.

A Arte de Produzir Efeito sem Causa

mutarelli

A Arte de Produzir Efeito sem Causa acompanha Júnior, um jovem que abandona a mulher, o emprego e volta para a casa dos pais. Sem grandes perspectivas de vida, o protagonista divide o seu tempo entre o sofá que está alojado, o bar e as conversas com Bruna – a inquilina do apartamento que seu pai espia por um furo no armário.

A narrativa ganha ritmo quando começam a chegar pacotes anônimos pelo correio e Júnior sai da apatia para entrar em uma linha tênue entre a sanidade e o delírio. Com um tom amedrontador, o autor apresenta personagens marcados por obsessões sexuais em um cenário característico da classe média brasileira.

Quando meu Pai se Encontrou com o ET Fazia um Dia Quente

lourenco-mutarelli

Quando meu Pai se Encontrou com o ET Fazia um Dia Quente é um livro em quadrinhos de Lourenço Mutarelli lançado em 2011. A narrativa é contada por um homem cujo pai – ainda em luto pela morte repentina de sua mulher – garante ter se encontrado com um ET em um dia que saiu para pescar.

Em tom melancólico e desenhos expressivos pintados em acrílico, Mutarelli discorre sobre a violência, a depressão e o definhamento da velhice.

[infobox color=”eg. light”] Todos esses livros foram alugados gratuitamente no SESC Bom Retiro. Você também pode ter acesso ao acervo de livros do SESC fazendo um cadastro com o seu RG na própria biblioteca das unidades. Aproveite![/infobox]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Categorias
Dicas LiteráriasLivros e HQNews

Jornalista interessada em arte, tecnologia, cultura e sempre em busca de novas histórias. Se você tem uma, não deixe de me contatar no Facebook, Instagram ou no Twitter.