Games

Microsoft compra desenvolvedora de Minecraft

Microsoft compra desenvolvedora de Minecraft

O estúdio que criou Minecraft, Mojang, foi comprado pela Microsoft. O valor estimado para o negócio é de US$ 2,5 bilhões. Foi anunciado também que os fundadores Markus “Notch” Persson, Carl Manneh e Jakob Porser não farão mais parte da equipe da desenvolvedora.

Minecraft agora é da Microsoft

Owen Hill, da Mojang, disse:

“Minecraft foi de um jogo simples para um projeto de importância monumental. Embora estejamos muito orgulhosos do que Minecraft tornou-se, nunca foi a intenção de Notch torna-lo tão enorme.

 

Como você já deve saber, Notch é o criador de Minecraft e acionista majoritário da Mojang. Ele decidiu que não quer a responsabilidade de ter uma empresa de tal importância global. Ao longo dos últimos anos, ele queria trabalhar em projetos menores, mas a pressão de possuir Minecraft se tornou muito grande para ele segurar. A única opção era vender a Mojang. Ele, porém, vai continuar a fazer coisas legais. Não se preocupe com isso.

 

Há apenas um punhado de potenciais compradores com os recursos para crescer Minecraft em uma escala que merece. Temos trabalhado em estreita colaboração com a Microsoft desde 2012, e fiquei impressionado com sua dedicação contínua para o nosso jogo e seu desenvolvimento. Estamos confiantes de que a Microsoft vai continuar a fazê-lo crescer de uma forma incrível.

 

Minecraft significa muitas coisas diferentes para milhões de pessoas em todo o mundo, e para todos e cada Mojangsta, nós sentimos que este é o melhor caminho.”

Microsoft compra desenvolvedora de Minecraft

Hill disse também que não há porque as vendas das versões para PC/Mac, Xbox 360, Xbox One, PS3, PS4, Vita, iOS e Android do game pararem. Além disso, a grande maioria dos desenvolvedores continuarão a trabalhar no estúdio.

Os planos da Microsoft para a desenvolvedora, no entanto, ainda não estão claros.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Categorias
GamesNews

Jornalista, co-fundador do Geekness. Foi editor do GamesBrasil, TechGuru e BABOO e repórter das revistas MOVIE, EGW e Nintendo World. Curta o Geekness no Facebook!