6 motivos para assistir a série Vikings

Motivos para assistir a série Vikings

Produção da History Channel, Vikings é uma série de televisão irlando-canadense, baseada em um drama histórico escrito e criado por Michael Hirst. A série estreou em 2013 nos Estados Unidos e no Canadá, tem duas temporadas lançadas e a terceira está em produção.

Filmado na Irlanda, Vikings teve como inspiração as histórias envolvendo o célebre viking Ragnar Lodbrok, um dos mais conhecidos heróis nórdicos, responsável em seu tempo pelo flagelo da França e da Inglaterra. A série retrata Ragnar como um fazendeiro escandinavo idealizador de incursões pioneiras à Inglaterra, com o auxílio de seus companheiros guerreiros, seu irmão, Rollo, e sua esposa, Lagertha.

Com um espírito guerreiro e questões sobre lealdade e honra, Vikings é uma aula de história muito ilustrada sobre a mitologia e o estilo de vida nórdico somado a um elenco de cair o queixo. A seguir selecionamos seis motivos para você assistir a série. Confira!

1 – Uma aula de história cheia de intrigas e reviravoltas

vikings-serie-history-channel-02

A história dos Vikings é real. A cultura foi formada por um povo de exploradores, guerreiros, comerciantes, fazendeiros e piratas que tiveram o seu auge do século VIII até XI. Originários da Escandinávia, que hoje é o território de três países europeus: Suécia, Dinamarca e Noruega, os Vikings ficaram conhecidos por sua rica cultura agrícola, guerreira e marítima.

O seriado mostra como eram os costumes deste povo e a maneira como funcionavam as suas moradias e saques. Guerreiros vikings chegaram a conquistar muitas terras da Inglaterra, França, Rússia e outras regiões da Europa. Suas crenças conflitavam com o cristianismo, que estava em expansão nos territórios dominados por eles.

Essas informações históricas são tratadas de uma forma bastante real e informativa – o que dá um aspecto mais educativo para a série, sendo diferente de obras como Game of Thrones, que é pura fantasia.

2 – Personagens marcantes e inspirados em grandes personalidades reais

Motivos para assistir a série Vikings

“Os deuses sempre vão sorrir para mulheres corajosas.” – Lagertha

Ragnar, Lagertha, Bjorn, Floki, Athelstan e muitos outros personagens são essenciais para o desenrolar da história e se mostram muito marcantes ao longo da narrativa. A cada episódio um ou outro personagem ganha notoriedade e desempenha um papel importante na narrativa. Hora como brutais guerreiros sem piedade, hora como protetores de seu povoado em meios a questões como lealdade e honra.

Ragnar e Lagertha, assim como o bebê Sigurd, são alguns dos personagens inspirados em figuras históricas reais. Segundo a Wikipédia, Lagertha foi uma skjaldmö (“donzela do escudo”) viking dinamarquesa que viveu no território da atual Noruega, esposa do célebre guerreiro viking Ragnar Lodbrok.

Sua história, tal como registrada pelo cronista Saxão Gramático no século XII, pode refletir diversos contos sobre Þorgerðr Hölgabrúðr, uma divindade da mitologia nórdica.

3 – Contraste religioso entre nórdicos e cristãos

Motivos para assistir a série Vikings

“Na queda suave de chuva do céu eu ouço meu Deus. Mas, no trovão eu ainda ouço Thor. Essa é a minha agonia.” – Athelstan

Os vikings acreditavam em seus próprios deuses nórdicos. Odin, Thor, Freya, e outros. Divindades as quais eles ofereciam sacrifícios, festas, orações e desejos. Enquanto isso, na Inglaterra, o cristianismo era a religião padrão. A série mostra o contraste entre essas religiões e também a cultura entre os povos.

Enquanto uns pregam santidade, outros prazeres carnais. Uns sacrificam animais e humanos, outros surram suas mulheres por infidelidade. E assim por diante. É um bom retrato de como a humanidade de comportava nos tempos antigos, onde afundar um machado no peito de outra pessoa era feito em nome de algum deus – seja cristão ou nórdico.

4 – Arte e cultura da brutalidade

Motivos para assistir a série Vikings

“O acusado fica de joelhos. Então suas costas são abertas com facas, e com um machado suas costelas são cortadas longe de sua coluna vertebral. E, em seguida, seus pulmões são puxados para fora sobre seus ombros para que eles se pareçam com as asas dobradas de uma grande águia.” – Ragnar

Os Vikings eram exploradores, comerciantes e também grandes navegadores, mas uma coisa que eles faziam muito bem era guerrear. Povoados organizavam pilhagens e saques frequentemente, e a ambição os levou a navegar em busca de novas terras.

Não há remorso algum em relação à morte, estupro ou mutilação. A guerra passa a ser o dia a dia de muitos membros desses povoados e você vai até se acostumar com a brutalidade dos tempos medievais depois de assistir alguns capítulos.

5 – Trilha sonora gótica

A música “If I Had a Heart”, que toca na abertura do seriado, é extasiante. Elaborada pela sueca Karin Dreijer Andersson, que usa o pseudônimo de Fever Ray, a canção tem tudo a ver com a série. Tem um ritmo místico e sombrio, que lembra músicas góticas.

Depois de terminar todos os capítulos da série, certamente você vai sentir saudades do “Gimme More, Gimme More” da abertura. Abaixo você confere o clipe oficial da música.

 6 – Um ótimo rio para se banhar de coragem

vikings2

É muito interessante como séries de televisão, filmes, livros e histórias em geral são capazes de estimular sentimentos reais dentro da gente. Não é pequeno o poder dessas obras e é por isso que são tão importantes para o nosso desenvolvimento.

Vikings é um ótimo exemplo de algo que nos faz nos sentir fortes. Enxergar a realidade com o ponto de vista de um guerreiro é tão esclarecedor quanto compreender o valor da honra e da lealdade. Se você anda precisando de uma força extra para encarar os desafios da nossa atual selva de pedra, tente embarcar no mundo de Ragnar que as coisas devem ficar muito mais leves!

Como disse uma vez Einstein, “a mente que se abre a uma nova ideia jamais volta ao seu tamanho original”.

[infobox color=”eg. light”]Esses são os nossos motivos para assistir a série Vikings. Quais são os seus? Conta pra gente![/infobox]

Leia também 5 Motivos para assistir House of Cards

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Aprovadíssimo. Linda opinião.

  • Leandro Mendes

    Só seis motivos? Tenho mil motivos! rsrs. Excelente seriado!

  • Roberto Ferreira

    Nossa, eu tenho um milhão!! 🙂 Além de ser a histórias dos Nórdicos, que já é fantástico conhecer, a serie é um primor,quem puder assistir no Netflix vai se apaixonar pelos Vikings. 🙂

  • zanon

    Tirando as marmeladas – na serie os vikings quase nao tem baixas perante os exercitos saxoes, gostei. Marmelada assim so mesmo no famigerado CORACAO VALENTE.

  • Unilson Mangini

    Mano, tô curtindo a série. Saber que estão conduzindo-a pelo fio histórico me deixa ainda mais intrigado. Só por favor, camarada Flávio, não use como fonte o Wikipedia!

  • rafael silva

    Quero fazer uma tatoo nordica mais não sei qual escolher..

  • Anderson

    Vale como história e confirmações…!

  • Eliane Figueiredo

    Estou amando a série q só conheci agora… sensacional!

  • Cristina

    Em que canal passa?

  • Lucas Carvalho

    History, mas tem na netflix

  • Paulo Amorim

    “Uns sacrificam animais e humanos, outros surram suas mulheres por infidelidade. E assim por diante. É um bom retrato de como a humanidade de comportava nos tempos antigos, onde afundar um machado no peito de outra pessoa era feito em nome de algum deus – seja cristão ou nórdico.”

    Ainda não vi estes comportamentos, que você atribui aos cristãos, na série, caso haja mesmo. E só para salientar aos apressados, muitas coisas feitas em nome de Deus pela Igreja Romana e por outros que se dizem cristãos, antes e hoje, são pela sua própria vanglória, não por ensinamento bíblico ou de Cristo. A série é realmente muito boa.

  • Anderson Silva

    Há uma cena em que é cortada a orelha da mulher do filho do rei por infidelidade, a princesa que fez relações sexuais e teve um filho de Athelstan. Mas, claro que tais atos não fundamentados nos ensinamentos de Jesus.

  • Fernando Bravus

    Ótimo artigo Flávio!!….meus parabéns!!
    Será que vc. ou algum fã da série, poderia me responder à uma grande curiosidade minha?
    Que plantinha é aquela que os vikings vivem comendo?rs
    Poderiam me responder?
    Desde já agradeço.

  • Priscila Fj

    Na primeira temporada há o ritual, onde eles sacrificam 9 animais de cada espécie, Ragnar leva Athelstan (o padre) para ser sacrificado, mas ele não sabia de nada e não é aceito, outro viking se oferece para ser sacrificado no lugar dele.
    Na segunda temporada, uma mulher vai ao rei reclamar que apanhou do marido (ela está realmente muito ferida), pois ele desconfiou que ela o havia traído. E o rei diz que é direito do marido agredí-la.

  • Samilly Cristina

    Bom acho que é isso.
    Angelica tem sido cultivada desde tempos Vikings e é a única erva que foi exportado da Noruega para o resto da Europa. Cada fazenda teria seu jardim angelica. Angélica chega mais cedo na primavera (em invernos suaves brotos em janeiro), pode ser usado como vegetais e é rico em vitamina C.

  • Daniel

    Estou começando a ver agro, mas desanimo no início um erro na primeira cena. O cara está com um pedaço de madeira, mas na hora que vai cravar no outro vira uma espada. Logo no início…

  • Jannine Borges

    O artigo é ótimo, retrata perfeitamente a série. Único erro, é o momento em que o editor cita game of thrones como uma série totalmente fantasiosa, quando na verdade foi baseada em famílias da Inglaterra que eram inimigas.

  • Layne Cris

    “fundamentados nos ensinamentos de Jesus”? kkkk vc foi irônico, né? kkk

  • Série top! 😉