T.Rex coberto de penas e Triceratops colorido: conheça a verdadeira aparência dos dinossauros

tyrannosaurus_rex___updated_version_by_moricemonkey93-d83n1sa
Já não é novidade para ninguém que a aparência dos dinossauros em Jurassic Park foi exagerada para que eles parecessem mais assustadores e mais reptilianos. O problema é que agora a imagem mental que todo tem é aquela, então precisamos atualizar esses dinossauros com as versões que são a mais científicas até agora.

T.Rex

Não temos evidências diretas de que o T.Rex tinha o corpo coberto de penas, porque nenhum dos fósseis já encontrados estava em tão boa condição a ponto de que pudéssemos analisar a parte de fora da pele deles.  Mas porque seus parentes evolutivos  tinham comprovadamente o corpo coberto por penas, e alguns pássaros modernos são parentes daqueles mesmos dinossauros que deram origem ao T.Rex, é extremamente provável que o T.Rex tivesse também o corpo coberto por penas. Os especialistas acreditam nisso porque os pássaros mantiveram suas penas mais de 80 milhões de anos e de evolução depois daquele parente em comum, então seria muito estranho que o T.Rex tivesse perdido todas as suas penas em menos de 1/3 desse tempo.

Outro fator a se levar em consideração é que os dinossauros tinham sangue quente, então as penas os ajudariam a se manterem aquecidos.

Recentemente conseguimos descobrir que um pequeno dinossauro voador tinha grossas penas pretas iridescentes. Provavelmente por isso o artista que desenhou essa versão do T.Rex escolheu a cor preta para representá-lo. Outro possível motivo para a escolha da cor preta é que os avestruzes são os parentes evolutivos mais próximos dos dinossauros, e eles têm penas pretas.

Tudo isso é explicado em um novo vídeo do paleontólogo Trey the Explainer, em inglês.

trex

Triceratops

Sabe aquela coroa de chifres que o triceratops tinha na cabeça? Todo mundo automaticamente pensava que os chifres serviam para que os machos lutassem pelas fêmeas. Até que o paleontólogo Jack Horner, aquele mesmo que quer transformar uma galinha em um dinossauro, começou a analisar mais a fundo essas estruturas. Ele percebeu que os chifres dos adultos apontavam para baixo, o que dificultaria muito a briga, e seria um formato estranho se sua principal função fosse essa. Outro fator importante é que, ao contrário do crânio de outros dinossauros combativos, o crânio do Triceratops não era firme nem adaptado para fortes choques, como aconteceria se eles batessem as cabeças umas contra as outras.

A conclusão que a equipe de Horner apresenta em um novo documentário da National Geographic é que essa estrutura serviria para impressionar as fêmeas – assim como muitos pássaros têm uma estrutura de penas colorias que é usada para uma espécie de dança de acasalamento –  essa estrutura seria coberta por uma cutícula colorida, que servia para cortejar  e impressionar as fêmeas.

triceratops
Não podemos esquecer que os pássaros são os parentes evolutivos mais próximos dos dinossauros. Essa constatação nos ajuda a entender a aparência real deles.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...