Cinema e TV Games

Modo Kurosawa homenageia cineasta no game Ghost Of Tsushima

Pinterest LinkedIn Tumblr

Ghost of Tsushima, o mais recente lançamento da Sucker Punch, ganhou modo de jogo Kurosawa. Já elogiado como uma carta de amor ao lendário cineasta japonês e aos clássicos filmes de samurai, o game agora possui um modo audiovisual luxuoso que leva ao jogador a estética dos filmes de Kurosawa.

Os videogames estão cada vez mais próximos de obras do cinema. E, se antes os desenvolvedores buscavam inspiração na sétima arte, agora eles podem prestar homenagens praticamente diretas às suas fontes estéticas.

Ghost of Tsushima já havia chamado a atenção em seu trailer de jogabilidade pelo seu visual e qualidade gráfica, e acabou sendo muito comparado à estética de Akira Kurosawa, um dos cineastas mais respeitados da história do cinema.

Billy Harper, o diretor de animações e cinemática do game declarou que se inspirou muito na obra da Kurosawa.

Quando eu era criança, enquanto todo mundo assistia Sete Homens e um Destino e Por um Punhado de Dólares, eu estava assistindo Yojimbo e os Sete Samurais. Muitas das cinemáticas do nosso jogo são uma carta de amor para Akira Kurosawa”, disse.

Agora, o novo modo do jogo que leva o nome do cineasta, ganhou a bênção diretamente dos detentores da propriedade de Kurosawa, que faleceu em setembro de 1998.

O Modo Kurosawa adiciona um filtro à estética do game, com imagens preto e branco e até com a granulação emblemática dos filmes do cineasta.

“À medida que nos aproximamos cada vez mais de fazer com que isso se tornasse realidade, nós pensamos ‘como chamamos esse modo especial que criamos, essa retrospectiva em preto e branco?’ Sugerimos um monte de palavras diferentes e pensamos que seria incrível se pudéssemos chamá-lo de Modo Kurosawa”, afirmou Jason Connell, diretor de arte do jogo em entrevista à Entertainment Weekly.

A ideia é criar uma ambientação em que o jogador seja transportado a um verdadeiro filme de samurai e, para isso, também traz efeitos de ventania e permite o ajuste da qualidade do som para criar uma experiência mais imersiva possível.

A história do game é centrada na honra e no autodomínio, pintando climas dramáticos nas paisagens do Japão feudal. Os combates rápidos e letais de katana finalizam inimigos jorrando sangue antes de caírem no chão. Ou seja, é carregado da estética samurai.

“No final do século XIII, o Império Mongol destruiu nações inteiras em sua campanha para conquistar o Oriente. A ilha de Tsushima é tudo o que resta entre o Japão e uma enorme invasão mongol liderada por um general ardiloso e implacável, Khotun Khan. Em meio à ilha devastada pela primeira onda de ataques mongóis está Jin Sakai, guerreiro samurai e um dos últimos sobreviventes de seu clã. Ele está decidido a fazer o que for preciso, custe o que custar, para proteger seu povo e recuperar seu lar. Jin deve deixar de lado as tradições que o moldaram como guerreiro e forjar um novo caminho, o do Fantasma, travando uma guerra atípica pela liberdade de Tsushima”, diz a sinopse do jogo.

Ghost of Tsushima foi lançado exclusivamente para PlayStation 4.

Modo Kurosawa homenageia cineasta no game Ghost Of Tsushima


Leia também: Games superam Hollywood?

Jornalista movida pela curiosidade de saber mais sobre qualquer assunto. Escreve sobre arte, cultura, games e assuntos gerais relacionados às ciências, sociedade e mundo geek.

Comenta aí!